Mais uma opção de shopping

 

 

 

 

 

Em dias de calor (canicular, destes últimos tempos…) agora o Rio tem uma excelente opção de passeio em ar-condicionado. Pós praia, um cineminha nas salas Prime deste Village Mall, na Barra da Tijuca, é um bom programa.


Um projeto espetacular: um mall de luxo, com as mesmas lojas/grifes do JK e do Cidade Jardim, de São Paulo.

Aparentemente um "programa de paulista" mas adotado por muitos cariocas; aí encontramos o simpático Prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, e sua família.

 

Confira; de dimensões da Barra, tudo muito amplo, claro e com a opção de um terraço com vista incrível!

Veja minhas fotos.




alt
Marido e mãe apreciam a temperatura, fresca, na boa medida




alt
carpas em espaço conveniente

 

 

 

 

alt
projeto que privilegia a luz natural, maravilhoso!

 

 

 

 

alta areia da praia nos jardins

 

 

 

 

alt

pé direito "à americana", alto, bem alto




alt
hall de entrada, imponente




alt
minha mãe e eu apreciamos a decoração do shopping



 

alt
a tradicional Saraiva, renovada, liiinda





alta Saraiva, agora também com espaço tecnológico




altpraça da alimentação bem espaçosa, no mesmo andar dos cinemas 

 





alto terraço deste Village Mall é "uma viagem": bom para o happy hour, desde que a temperatura permita...





alt não é lindo? (estamos num shopping!...)





alt    com opção de mesa, sofá, poltrona, todo o conforto da face da terra...





alt ...que apreciamos, Thierry, meu marido, Yvonne, minha mãe, Pedro (o companheiro dela) e eu, que fotografo





alt
adorei os bons momentos, aí 





alt vista para todos os lados, sempre com muita natureza





alt
novas avenidas foram construídas para facilitar o trânsito





alt você consegue perceber a amplidão dos espaços?





alt vale a visita: nós adoramos!

 

 

 



 


última atualização: Sexta, 4 Janeiro 2013



   

Negocios

Líderes do Brasil

 

 

 

CapaEuSouOBom 

 

 

Em noite estrelada, de grandes personalidades do mundo dos negócios, a convite de João Dória e anfitrionado pelo Governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, assistimos à entrega de prêmios aos melhores gestores de empresas de 2012, privadas e/ou públicas.


Televisionado pelo SBT, o salão nobre do Palácio do Governo de São Paulo estava lotado de homens e mulheres, todos brilhantes executivos.

 

Fotografei alguns, os que conheço pessoalmente.

 

 alt
os apresentadores da noite, César Filho Karyn Bravo, do SBT

 

 

 alt
o idealizador da noite e anfitrião, João Dória, Presidente da LIDE, o Presidente da FIESP Paulo Skaf e o representante do SBT fizeram a entrega dos prêmios; à frente, o primeiro à esquerda, o Governador de Minas Gerias, Antonio Anastasia

 

 

 alt
os prêmios foram dados por grupo: aqui, de instituições financeiras estatais

 

 

 alt
no grupo de premiados, no centro, o Governador de Pernambuco, Eduardo Campos...

 

 

 alt
 ...à direita, nosso Governador Geraldo Alckmin

 

 

 alt
 …no centro, Ivan Zurita da Nestlé…

 

 

 alt
…à esquerda, Marco Antonio Bologna, Presidente da TAM e Guilherme Paulus, da CVC…

 

 

 alt
 …ao centro, o gênio André Esteves e a seu lado esquerdo o incrível Lázaro de Mello Brandão, do Bradesco

 

 

 alt
meu querido amigo e entrevistado deste blog , o jovem Presidente do Einstein, Claudio Lottenberg, à esquerda na fila dos premiados

 

 

 alt
o líder dos líderes, homenageado junto com Antonio Ermírio de Moraes do Grupo Votorantim, Lázaro de Mello Brandão, Presidente do Conselho de Administração do Bradesco que, aos 86 anos, ainda e sempre, está no trabalho antes das 7 horas da manhã. Viva!

 

 

 

 

 

 

última atualização: Quarta, 19 Dezembro 2012



   

Negocios

Tommy Hilfiger agora é Inbrands

 

 

 

tommy-hilfiger-logo 


A Inbrands, holding que congrega as marcas Ellus (que é berço de nascimento da Inbrands -- veja um pouco da história, contada por eles mesmos, clicando aqui), Ellus 2nd Floor, VR, VRK, Salinas, Richards, Richards Selaria, Bintang, Herchcovitch.Alexandre, Mandi e Bob Store, acaba de anunciar um acordo, uma "joint venture" com a marca americana Tommy Hilfiger, para comercializar produtos desta marca a partir de 4 de janeiro de 2013, por dez anos, em todo o Brasil.


Nesses assuntos, é sempre bom dar uma olhadinha no que dizem oficialmente os contratantes. Leia abaixo trechos do comunicado ao mercado da Inbrands, datado de ontem, 12 de novembro:


... "A Inbrands é a plataforma líder na gestão e consolidação de marcas de lifestyle e moda premium consideradas 'iconic brands'. O foco da Inbrands é a aquisição, desenvolvimento e gestão profissionalizada e eficiente de marcas reconhecidas de alto padrão e que apresentem potencial de alta rentabilidade, inovação, ampla distribuição e visibilidade no Brasil." (...) "A Tommy Hilfiger tem um portfolio de marcas premium lifestyle que inclui Tommy Hilfiger, Hilfiger Denim e Tommy Girl, ... (e) tem seu foco no desenho e comercialização de vestuário masculino, feminino, infantil e coleções de jeans de alta qualidade". 


Interessante observar o que segue, ainda no mesmo comunicado, sobre a empresa PVH, dona da Tommy, que foi quem fechou esta joint venture com a Inbrands: "PVH corp., uma das maiores companhias de vestuário do mundo, detém e comercializa as marcas Calvin Klein e Tommy Hilfiger mundialmente. Ela é a maior companhia de camisas e gravatas e comercializa uma variedade de produtos com suas próprias marcas, (tais como) Van Heusen, Calvin Klein, Izod, ARROW, Bass e G.H.Bass & Co., e suas marcas licenciadas, incluindo Geoffrey Beene, Kenneth Cole, Michael Kors, Sean John, Chaps, Donald J Trump Signature Collection, JOE Joseph Abbud, DKNY, Ike Behar e John Varvatos


Veja  também o que declarou à imprensa americana Fred Gehring, principal executivo da Tommy nos EUA: "este negócio nos permite dar suporte direto ao desenvolvimento e expansão de nosso varejo e nosso atacado no Brasil".


Tem certas coisas que ficam patentes.


Uma: a Tommy, cansada talvez de seus aproximadamente dez anos de Brasil sendo gerida pela American Sportswear Group, prefere se associar a um grupo que tem experiência comprovada e canais de distribuição muito mais amplos e estabelecidos que as meras poucas lojas Tommy, que lhe dão pequena expressão no mercado. A American Sportswear será uma das sócias nesta joint- venture, cuja gestão ficará agora, no entanto, inteiramente a cargo da Inbrands.


Outra coisa que parece evidente: a presença de Alexandre Brett na Inbrands, ele que trouxe a Calvin ao Brasil certamente facilitou o movimento. 


E, finalmente para mim, no meu modesto entender e se conheço bem uma das cabeças pensantes na Inbrands, este parece ser inequivocamente mais um passo na direção da efetiva internacionalização do grupo Inbrands. Eu não me surprenderei se, em poucos anos, muito antes de que termine o prazo de dez anos desta joint-venture, a Inbrands seja incorporada ao PVH, com o grupo Vinci, Américo Breia e Nelson Alvarenga tornando-se sócios minoritários mas importantes da PVH. "Melhor ter pequeno percentual de uma empresa forte e altamente rentável, que ter 100% de algo que não vai pra frente", é o que diz sempre Américo Breia.


Não que a Inbrands "não vá pra frente", claro. Mas os resultados negativos ou pelo menos pífios dos últimos trimestres e as constantes trocas de seus executivos principais mostram que a coisa não é nada, nada fácil...


Desejo boa sorte ao novo negócio! 



última atualização: Quarta, 21 Novembro 2012



   

Negocios

Os limites da criatividade na moda

 



CapaLouboutin



Artigo recente da jornalista Angela Klinke para o jornal Valor sobre o que vem sendo chamado de "fashion law" me inspira para falar um pouco sobre isso, aqui em nosso espaço.


 
bolsas Louis Vuitton: um dos produtos que mais sofrem com a imitação descarada

 

Fashion law, apesar do nome pomposo, nada mais é do que a reunião, sob um mesmo "teto", digamos, de todo o arcabouço legal (lei e jurisprudência = o que dizem os tribunais) e doutrinário (doutrina, em direito, é o que dizem os especialistas na matéria), para estudos, debates, e, claro, para uso nos tribunais.


A jornalista revela na matéria o espanto de um advogado brasileiro com a falta de vontade, a falta de ação mesmo da esmagadora maioria dos estilistas e empresários brasileiros da moda contra a cópia, a imitação, o plágio descarado. Segundo este advogado, o brasileiro acha que a imitação é um dado do mercado, contra ela não haveria o que fazer...


Eu já penso que muito desse comportamento vem do fato de que, ano após ano, há décadas e ainda hoje, o empresário/estilista brasileiro viaja para "inspirar-se"; está acostumado a lançar coleções que nitidamente se inspiram no "mix" do que esse estilista viu e assimilou lá fora. Em geral, o resultado é de fato uma releitura das várias "leituras". E temos gente muito boa nisso, que sem dúvida se inspira em uma multiplicidade de "inputs" (lojas, marcas, ruas, comportamentos). Às vezes, porém, a coisa toda desanda e resulta em cópia deslavada. E tem vezes, e é aí que "o bicho pega", que a linha entre cópia e inspiração é muito, muito tênue.


Para ilustrar um pouco a coisa, para entendermos o quão delicada é a questão, veja este caso: Christian Louboutin, aquele da marca que conhecemos há tanto tempo por suas solas de sapatos vermelhas, propôs uma ação judicial contra a Yves Saint Laurent americana pelo fato de esta lançar uma coleção de sapatos cujas solas eram... vermelhas. Depois de várias idas e vindas nas cortes, o resultado final foi o de que a YSL pode usar a sola vermelha desde que o sapato seja... vermelho; e a Louboutin pode usar sua sola vermelha combinada com as cores que quiser, pois foi reconhecida sua "originalidade" no uso da sola vermelha como símbolo da marca. 


 
a da esquerda ficou com a cor vermelha "presa", a da direita pode usar como quiser


Fica a questão: ainda que seja bem verdade o fato de que a Louboutin tem para nós a imediata associação de seu nome com a sola vermelha, o que dá à marca uma inequívoca identidade, não é, por outro lado, uma limitação ao poder criativo da YSL o fato de ela não poder usar a cor vermelha como bem entenda? 


Menos difícil talvez de assimilar seja o caso Gucci x Guess. 


 
aqui a coisa parece ser um pouco mais grave que apenas "inspiração". O de baixo, Gucci, o de cima, Guess


A Gucci acionou a Guess, de Los Angeles, acusando-a de cópia pura e simples de seus produtos. A decisão judicial, que envolvia vários produtos e várias acusações, acabou sendo evidentemente favorável à Gucci, mas a indenização pretendida, de mais 200 milhões de dólares, acabou sendo bem menor, porque o judiciário entendeu que para que fossem considerados cópias os produtos teriam de ter sido copiados "ponto por ponto, linha por linha". Uma decisão favorável à Gucci, mas nem tanto...

 

Outro caso recém iniciado e que promete agitar os tribunais por algum tempo é o de Chris Burch contra Tory Burch. Especulava-se que ela entraria em juízo contra ele, pelo que ela entende serem cópias pioradas de seus produtos na nova rede de lojas C Wonder, de seu ex-marido, mas foi ele quem primeiro a acionou por quebra de contratos. 


 
dá pra dizer que alguém é dono da ideia? Tory, do meio, acusa o marido de cópia barata, à direita. Já o marido diz que foi ela quem copiou a da esquerda...


Agora, os dois se degladiam com acusações mútuas de todo tipo, sendo várias de Tory contra supostas cópias feitas pelo ex-marido Chris. Deve ir longe a coisa.


O que fica claro é que a criatividade na moda tem limites. E o limite é justamente algum "quantum" de inspiração que ultrapasse a mera inspiração e se configure como plágio. É isso que o empresário, o estilista tem de evitar. 


No Brasil, consta que quem mais cuida de seus próprios processos criativos e guarda material probatório para possíveis ações judiciais contra plagiadores, é a Osklen. Eu não duvido de que este fato também possa ter tido alguma influência quando da aquisição de parte do capital da Osklen pela Alpargatas, há poucas semanas, pois a Alpargatas é das empresas brasileiras de moda talvez a que mais tenha experiência na luta contra os falsificadores de seus produtos. Está aí a Havaianas para contar a história.


Desculpe-me o tamanho do post. Mas o assunto é, para mim, empolgante. Penso que do mesmo modo que a criatividade tem de ser garantida, a propriedade intelectual, também, e cada vez mais. E por isso mesmo, discutida.

 

 




última atualização: Quarta, 14 Novembro 2012



   

Negocios

Inauguração oficial

 

 

 

CapaLauraNeiva




Em mais um coquetel bem sucedido no Iguatemi JK, Kika Gancia Rivetti, a anfitriã Longchamp no Brasil, recebe amigos e clientes para apresentação do Sr. Jean Caissegrain, CEO da marca. E de todo seu staff europeu.


Mesmo quem conhece a marca de bolsas há muito, não deixa de se surpreender com as belíssimas novidades.

 

Hoje, no Brasil, Longchamp tem uma excelente relação custo X benefício: uma marca chic, de qualidade fantástica e a preço justo.  


Acompanhe a festa. 

 

 

 
a musa dos paulistanos, Maythê Birman e a carioca cheia de charme Srta. Feitosa, que organiza a super mostra de fotos, a sp-arte/foto

 

 
Mr. Jean Cassegrain, CEO da Longchamp e seu diretor


 

 
Eva Wilma (muitíssimo bem, uma bela pele!), seu filho John Herbert Jr com sua companheira Marina Gomide, hiper simpática (modéstia à parte, deve ser "mal" do nome...)

 

 

 
 a elegante Maythê, a top gracinha Caroline Ribeiro e a promoter, sempre bonita, Fernanda Barbosa

 

 

 
Kika atenta aos convidados e aos efeitos com os fotógrafos...


 

 
Caroline Ribeiro mostra anel de sua coleção, semi jóia. Sobre a bolsa Longchamp, de pelo

 

 

 
Balia Lebeis, precursora no ramo das promoters: a eficiência em pessoa

 

 

 
Kika, dona do negócio, feliz!

 

 

 
Ana Paula Tomita, da Van Cleef & Arpels, o apresentador da Record Fabio Arruda e M. Alice Solimene, "the" banqueteira em SP

 

 
les messieurs directeurs da Longchamps, simpáticos e felizes com o mercado no Brasil...

 

 
...e mais colegas, também importados para a ocasião, adoram a alegria dos brasileiros

 

 
a top da noite, a atriz e modelo Laura Neiva, de 19 aninhos, be-lís-si-ma

 

 
jovem mas já com muito currículo; Laura me conta dos últimos desfiles da Chanel, para quem desfilou e fotografou

 

 
Paulo Rivetti e Marina, marido e filha de Kika, a anfitriã

 

 
Consuelo Blocker, blogueira; filha de Constanza Pascolatto, tão cheia de bossa quanto

 

 
mãe de trigêmeos de 1 ano, a adorável  Isabella Fiorentino  também prestigia a marca

 

 

 





última atualização: Terça, 13 Novembro 2012



   

Negocios

Louis Vuitton, global store

 


CapaLouisVuitton



Os brasileiros somos definitely bons clientes da marca...


Foi inaugurada em São Paulo uma das maiores LV no mundo: 1800 m2, dos quais 900 m2 de loja num mesmo piso, novidade para a LV: um show!

 

Com requintes de decoração em materiais importados, os convidados foram recebidos pelo Chairman & CEO LV  Yves Carcelle, pelo Presidente LV da América Latina & África do Sul François Rosset e pelo "Country Manager" LV Marc Sjostedt.


Obviamente que os comes & bebes eram perfeitos e extraordinários. O champagne, aliás os champagnes (do mesmo grupo) Ruinart e Veuve Clicquot, em profusão.


Fomos guiados por recepcionistas-vendedores que nos contavam a história da empresa, de cada ambiente e de cada produto: coisa de primeiríssimo mundo. Aliás, de primeiríssima marca...

 

 

A organização foi impecável: desde o envio do belo convite com vale-valet, recepção com lindos modelos na garagem, marcação até o desfile, recepção tecnológica (os nomes dos convidados eram rapidamente conferidos em vários iPads)... tudo condizente com o padrão da marca.


Nesta loja a LV disponibiliza todos os produtos da estação, bem como os clássicos: it's a global store!

 

Participe da festa conferindo as fotos.


alt
 sempre pontuais, fizemos a festa dos fotógrafos


alt
 Marc Sjostedt nos recebe, e a Fábio Arruda, na entrada da loja


alt
 Marc conosco no saguão de entrada da loja, que é dividida em dois grandes "universos" de várias salas cada um, de um lado o feminino, de outro o masculino


alt
 um belo champagne servido por um belo garçon!


alt
 Thierry e eu "de papo" com Yves Carcelle, o Presidente LV


alt
 muito solícito, Yves Carcelle também posa com Patricia


alt
 eu, em expressão de pura satisfação na sala das bolsas femininas


alt
 detalhe dos produtos em uma das inúmeras áreas de exposição


alt
 mais garçom bonito e petits fours deliciosos


alt
 identificação das vendedoras-recepcionistas à vista, em uniformes impecáveis na sobriedade e elegância


alt
 numa alusão às grandes rotas de estradas de ferro, a bolsa trans-siberiana...


alt
 ... em duas versões deslumbrantes


alt
já esta foi batizada de "Sunshine Express"

 


alt
nossa hostess Michelle nos mostra um armário; esta foi uma das primeiras "invenções" da LV; tornou-se um  "must have" à época para os viajantes em navios e deu enorme fama à LV


alt
 colete esmerado


alt
na sala da marroquinerie personalizada, todos os tipos de couro: você escolhe COMO quer sua bolsa, não é incrível? (é alta costura em acessório...)


alt
 alguns modelos - sugestão...


alt
 ...outras tradicionais...


 alt

 ...ou lançamentos; esta a 8 mil reais, por exemplo


alt
 em visita à loja, Gisele Fraga e seu parceiro Nelo Marracini Neto, ambos um charme só!


alt
 vista de uma das salas do "universo masculino"

 

alt
 as queridas Maria Antonia Civita e Dayse Gasparian


alt
 "men's toys" no salão...


alt
 ...e no provador


alt
 isto é que é mochila


alt
 a bela DJ Debora Falzi alegra o ambiente; observe também a mala atrás dela


alt
 a fotógrafa Dadá Cardoso e seu Paulo Neves, elegantérrimos, de acordo com o ambiente


alt
 o modelo Danillo Oliveira me serve, com simpatia e beleza

 

 alt
 uma mala - bar


 alt
 a encantadora Michelle nos mostra a mala- charutaria


 alt
Paulo e Kika Rivetti (ela, uma de minhas top ten) também prestigiaram o evento. Dentro de uns dias, mais uma inauguração, a Longchamp de Kika


 alt
as graciosas Larissa Albuquerque e Fernanda Cedraz (esta a gerente do universo masculino) também conduziram os convidados, contando-lhes as histórias da marca


 alt
 malas masculinas: observe as de cor laranja!


 alt
 mais um "toy" para apreciação dos clientes


 alt
 petit four florido (...)


 alt
Maracatu, obra dos irmãos Campana, dos quais foram feitos apenas doze, todos em cores diferentes, segundo consta vendida na inauguração a R$ 118.000,00


 alt
 cama de campanha na mala LV, também dos primórdios da marca, recuperada no Congo africano


 alt
 original, do século retrasado


 alt
 pequena e poderosa


 alt
 clássica

 

 alt
 o "nosso" monograma mais benquisto!

 


 

 alt
 linda Solange Wilvert de look total Louis Vuitton

 


 

 alt
 Beto Pacheco, O promoter

 

 

 alt
 a arquiteta Kika, a modelo Jana, a atriz Patricia: jovens apreciadoras e eventuais consumidoras

 

 

 alt
 a loja lotava noite adentro (ao final chegaram Juliana Paes e Rodrigo Santoro)

 


 

 alt
 a imponente vitrine

 

 

 alt
 final de noite, no mesmo shopping Cidade Jardim, jantar em família no delicioso Due Cuocchi

 

 

 

 

 

 

última atualização: Quarta, 31 Outubro 2012



   

Negocios

Acredite: é Brasil

 

 

Visitei este empreendimento, em plena fase de execução, na famosa Praia Brava em Santa Catarina, "berço" do destino predileto dos melhores DJs do mundo, o Warung Beach Club.


Um resort em mata atlântica, intocada. Quando inteiramente pronto, serão 75.000 metros quadrados de área verde, mata primária, com a qual se integrarão as moradias.


Totalmente ecológico: na manutenção da natureza, na porosidade dos pisos, no aproveitamento das águas pluviais, no tratamento de esgotos, na energia solar, na fiação subterrânea (inclusive fibra óptica) entre muitas outras preocupações de empresário consciente.

 

Um lugar idílico, impensável por aqui até há pouco tempo...


Com opções de apartamentos e casas.


E execução nas mãos dos melhores profissionais "ecológicos"; os arquitetos Arthur Casas, maravilhoso, Frederico Carstens, o renomado também paisagista Benedito Abud, com Cave da Cantine Ferrari e Spa (do vinho, espetacular) da Caudalie e sob a batuta da Taroii Empreendimentos.


Se você tiver a ocasião, visite.


Se você está a fim de ter uma propriedade de sonhos...é aí!

 

 

 
os anfitriões queridos, o "Mr. Taroii", José Carlos Trossini e sua doce mulher Daniele Cristina Winnikes, no Bravíssima Private Residence

 

 

 
uma das belas e muitas vistas do local

 

 

da piscina de borda infinita, vista da belíssima praia brava

 

 

 
da praia, os apartamentos

 

 

 
vista do "clube" dos moradores

 

 

 

 

 

 

última atualização: Quinta, 25 Outubro 2012



   

Negocios

Samsung no Iguatemi JK

 

 

CapaSamsungJK



Num dos amplos corredores do Iguatemi JK a Samsung inagurou ontem seu "Galaxy Studio", que ali deve ficar por algum tempo, para promover seus tablets e smartphones.


Um espaço bem bolado, amplo, com vários "corners", cada um deles relativo a um de seus produtos. O evento teve até a participação de Alexandre Herchcovitch como DJ. Vários astros da TV apareceram para prestigiar.


Veja algumas fotos:


alt
Patricia de Sabrit, Paula Tonelli e Helinho Calfat, organizador do evento



alt
uma das extremidades do amplo espaço Galaxy Studio



alt
o cartunista Clovis Tsuematsu faz uma caricatura de Patricia, num modelo de tablet da marca



alt
balcão com o mais novo smartphone que mistura tablet e telefone, com caneta



alt
Patricia encontra a amiga e atriz Gabriela Alves



alt 
com Anderson di Rizzi(no ar em 'Gabriela') e Tiago Abravanel (estréia em 'Salve Jorge')



 alt
a atriz Fernanda Paes Leme posa com produto da marca...



 alt
... e Patricia também









última atualização: Quinta, 25 Outubro 2012



   

Negocios

Brasil abraça Adolfo Dominguez

 

 

 

 capaAdolfoDominguez

 

 

 

Em jantar no Figueira Rubayat em São Paulo, o Fashion Group reuniu imprensa e editores de moda das melhores publicações do Brasil para confraternização com o estilista e empresário de moda espanhol Adolfo Dominguez.

 

Adorei: além de seu reconhecido talento, um homem acessível e muito, muito simpático!


Com lojas na Europa, nos Estados Unidos e na América Latina, Adolfo espera estreitar os laços com clientes por aqui.

 

[Confira, também, a juventude e a beleza dos(as)  editores(as) das nossas revistas!]

 

 

 

 
Adolfo Dominguez posa  para as câmeras

 

 

 
Clovis Vieira, a bela importante Lara Gerin e David Trejo

 

 

 
o jovem Andre do Val


 

 
a mais jovem Andressa Zanandrea

 

 

 
nosso melhor amigo Bruno Gagliani (agora de Punta del Este) conversa com o espanhol Rogelio Martinez, diretor de expansão de Adolfo Dominguez para a América Latina

 

 

 
lindas, Hariany Valadão e a adorável e eficiente consultora de moda Marielle Vasconcellos, responsável pelo marketing do Fashion Group

 

 

 
meu marido Thierry de Sabrit descobre tudo sobre o Fashion Group por seu Diretor, David Trejo

 

 

 
belas, felizes, Fernanda Ary e Simone Ladeira

 

 

 
Clovis Vieira, AD e Walter Cunha, novos amigos

 

 

 
a incrível Tami Gotoda

 

 

 
Cristian Varella, vice presidente da Chilefilms (150 salas no Chile) e Fashion Group me conta o 'segredo de seu sucesso'

 

 

 
uma de minhas melhores amigas, Noreen Gagliani, de Punta del Este ao Figueira, para cumprimentar AD, de quem já é cliente desde Miami

 

 

 
a gracinha Sandra Bittencourt

 

 


 

 
minha mais nova amiga Marielle ladeada pelos queridos Claudio Torelli e Milton Filho

 

 

 
mesa extensa para jornalistas de moda e de negócios

 

 

 
chic, chic, M. Eugenia Suconic

 

 

 
 linda, linda, Kika Brandão

 

 

 

Marielle Vasconcellos - que nos convidou- também posa com o homenageado

Belo jantar; belo restaurante. (Observe a maravilhosa Figueira que dá nome ao restaurante)

 

 

 

 

 

 

última atualização: Segunda, 22 Outubro 2012



   

Negocios

...o escolhido foi você!

 

 

CapaPaperHouse



Sugiro, como opção de loja de presentes ou papelaria de luxo, a "minha" e de todo mundo de bom gosto na região,  Paper House (minhas contas no cartão de crédito sempre incluem algo de lá...).


É um exemplo de negócio bem bolado e bem dirigido; poderia ser uma simples papelaria, mas, não: é a Paper House, algo mais que simplesmente uma papelaria, e é por isso que ela veio parar neste post! Nos Jardins, em São Paulo. 


Variedade, criatividade, atendimento: tudo em cima.

 

Veja:

 

 

 

 alt
 tem de tudo...

 

 

   

 

 alt
...uma enorme variedade de álbuns de fotos de todos os preços...

 

   

 

 alt
   ....detalhes para escritório e casa de boa qualidade...

 

 

 

 alt
   ...cartões para as todas ocasiões...

 

 

alt
  ...cartões e convites personalizados

 


 alt
as donas, as irmãs Gebara, Vivien e...

 

 

 

 alt
...Eliana, acessíveis e simpáticas

 

 

 alt
as clientes assíduas (sim, porque quem vai uma vez volta sempre), eu e...


 

 alt
...a elegante Bebel Alves de Lima

  

 

 alt
a gerente, garantia do excelente atendimento, Magna Mota

 

 

 alt
a equipe e eu; elas são de uma simpatia e eficiência exemplares: Silvana Dias, Silvana Felipe, Hilda Gomes, Magna e Eli Silva, sonho de consumo de qualquer lojista

 

 

 

 

última atualização: Quinta, 18 Outubro 2012



   

Negocios


    1 2 3